skip to Main Content

Manejo sustentável é discutido na Câmara como alternativa ao desmatamento da Amazônia

COMPARTILHE

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia reuniu, no dia 10 de outubro, na Câmara dos Deputados, especialistas, consultores internacionais, representantes do governo, deputados, organizações não governamentais e habitantes da Amazônia para uma audiência para debater sobre o manejo sustentável da exploração ilegal, as queimadas e o uso predatório dos recursos naturais da floresta amazônica.
O encontro foi solicitado pelo deputado Airton Faleiro (PT-PA), com o intuito de formular uma proposta alternativa do uso sustentável dos produtos da biodiversidade da floresta.
Dentre as organizações presentes, estava a ONG Conselho de Manejo Florestal (FSC – Forest Stewardship Council, em inglês), que apresentou uma proposta de aumentar a exploração sustentável das florestas, tendo um impacto positivo na economia da região, além dos impactos ambientais.
Foram favoráveis a este projeto, os representantes do Serviço Florestal Brasileiro, do Banco da Amazônia, do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, da Associação Brasileira das Empresas Concessionárias Florestais, deputados e moradores da região. Os apoiadores da proposta ainda incentivaram o financiamento público das atividades e de sua fiscalização por meio de satélites georreferenciados.
Foi discutido também o uso sustentável do extrativismo dos produtos florestais – óleos de copaíba e andiroba – e da fabricação de medicamentos com a vasta biodiversidade da Amazônia.

Fonte: Câmara Legislativa

COMPARTILHE
Back To Top